domingo, 5 de dezembro de 2010

Revista Brasileira de Ensino de Bioquímica e Biologia Molecular

Oi gente, tudo bem? Fiz um pequeno resumo sobre os artigos que os professores nos indicaram e gostaria que vocês lessem. As idéias foram bem interessantes.

Planejamento, Montagem e Aplicação de Modelos Didáticos para Abordagem de Biologia Celular e Molecular no Ensino Médio por Graduandos de Ciências Biológicas

Tereza Cristina Orlando, Adriene Ribeiro Lima, Ariadne Mendes da Silva, Carolina Nakau Fuzissaki, Cíntia Lacerda Ramos, Daisy Machado, Fabrício Freitas Fernandes, Júlio César C. Loreniz, Marisa Aparecida de Lima, Sueli Gardim, Valéria Cintra Barbosa, Thales de A. e Tréz.

Alguns dos autores do artigo são alunos do Curso de Bacharelado e Licenciatura em Ciências Biológicas da UNIFAL- MG. Outros são do Departamento de Ciências Biológicas da UNIFAL.


O artigo fala sobre a construção de modelos didáticos de baixo custo na área de biologia celular e molecular. Alguns conteúdos destas disciplinas torna a abordagem de ensino muitas vezes abstrata, dificultando o processo de aprendizagem. A grande maioria das escolas públicas enfrentam dificuldades com a ausência de laboratórios ou equipamentos, comprometendo a compreensão do conteúdo pelos alunos.
Os estudantes do curso de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Alfenas (UNIFAL-MG) desenvolveram e aplicaram sete modelos em alunos do ensino médio como material didático de apoio para a disciplina Biologia.
Eles realizaram a confecção de 7 modelos diferentes: o tabuleiro da célula para uma melhor fixação das organelas e suas diferentes morfologias; a membrana plasmática para facilitar a compreensão de suas funções e o entendimento do posicionamento das moléculas dispostas nas suas camadas.; a mitocôndria para demosntrar suas características morfológicas; o núcleo interfásico para a explicação dos componentes nucleares, começando pelo envelope nuclear, até as formas mais condensadas e menos condensadas do DNA no núcleo interfásico; o modelo de transcrição que mostra as fitas de DNA que servirá de molde e a fita do RNA recém sintetizado; o modelo de tradução para a compreensão sobre a função do RNA transportador e qual aminoácido será então incorporado no polipeptídeo nascente e o modelo da célula de papel higiênico para montar as organelas presente na célula.
Eles concluíram que a utilização dos modelos mostrou, tanto pela observação das aulas como pelas avaliações feitas pelos estudantes do Ensino Médio, que a maioria deles manifestaram grande interesse ao longo das aulas através de uma participação ativa e, conseqüentemente, uma interação com os estudantes da Unifal-MG. Esse artigo mostrou também que os graduandos devem estar preparados para atuar, ou pelo menos que tenham uma visão crítica, no processo de ensino e aprendizagem. Esses modelos didáticos são importantes principalmente para o campo das licenciaturas.

E vocês o que acharam? Aguardamos o comentário de vocês.
Até mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário